SP será palco do Canto pela Democracia no dia 31 de março

 

Foto: Roberto Parizotti
Foto: Roberto Parizotti
O próximo dia 31 de março será marcado por uma jornada de lutas em defesa da democracia e contra o golpe. Atividades ocorrerão por todas as partes do Brasil e são organizadas pela Frente Brasil Popular, articulação que reúne 60 entidades dos movimentos sociais e sindical, e pela Frente Povo Sem Medo.

Na capital paulista, ato e apresentações culturais começam a partir das 16h, na Praça da Sé, região central da cidade. Os movimentos também vão às ruas em defesa dos direitos sociais, contra o ajuste fiscal e a reforma da previdência e por outra política econômica.

Presidente da CUT São Paulo, Douglas Izzo reforça a necessidade de desconstruir as informações veiculadas pela mídia tradicional, como é o caso da Rede Globo. “Estamos passando por momento que exige compreensão política e histórica. Querem aplicar um golpe no país, derrubar Dilma e prender Lula, o melhor presidente que tivemos na história deste país. A grande mídia e parte do Judiciário estão envolvidos até o pescoço nisso”, afirma o dirigente que é também coordenador da Frente Brasil Popular em São Paulo. 

Atos descentralizados ocorrerão também pelo interior de São Paulo. Em breve será divulgada a lista das cidades e dos artistas que se apresentarão.

SERVIÇO

Canto da Democracia
31 de março de 2016 (quinta-feira)
Praça da Sé – a partir das 16h
São Paulo-SP

Bandeiras unitárias de luta

- Em defesa da democracia, golpe nunca mais
- Contra o ajuste fiscal, por outra política econômica
- Em defesa dos direitos, contra a reforma da previdência

Sitraemfa

Rua Gonçalves Crespo, 324 Tatuapé/SP
Tel: (11) 4324-5915
Horário de atendimento: 08h às 17h

 
 

Filiado a

CUT CNTSS